AcessibilidadeAcessibilidadeInternacional

Mestrado em Administração

Claudimir Rodrigues

Em um mundo em que a tônica é a mudança, ficar parado no desenvolvimento intelectual não significa estagnar. Significa retroceder”. Essa frase é de Claudimir Rodrigues, que sempre teve a Unisc como uma entidade de desenvolvimento regional. Assim, por conta de um relacionamento profissional com dois eminentes professores da Unisc (o Dr. Theobaldo e a Drª Fabiana Marion Spengler), ele tomou conhecimento, no final de 2011, da possibilidade de participar de um processo seletivo para o curso de Mestrado Profissional em Administração. “Não tive dúvidas”, lembra ele, “me inscrevi e, já no início de 2012, estava cursando o referido curso e que, seguramente, foi um divisor de águas em minha vida pessoal e profissional”.

Claudimir sempre teve como propósito buscar acompanhar o conhecimento acadêmico. Assim, ao saber da possibilidade de cursar um Mestrado Profissional, fez todo sentido tanto para sua carreira na busca de contribuir para o desenvolvimento empresarial, como para seu desenvolvimento pessoal, abrindo oportunidades para novos horizontes.

Claudimir reconhece que o fato de cursar o Mestrado trouxe muita segurança no mundo corporativo, onde conseguiu ajudar a construir um significado com claro diferencial para a empresa onde atuava, fazendo com que se realizasse profissionalmente e pessoalmente: “Seguramente a Unisc, representando a região central do Rio Grande do Sul, tem um papel preponderante em desenvolver talentos tanto para o mercado, quanto para a academia”.

Ele também recorda que o nível de professores com os quais teve a oportunidade de aprender foi marcante. Porém, o mais relevante, segundo ele, foi compreender a importância da teoria no mundo real. Também entender a lógica de um projeto bem estruturado para conseguir uma dissertação que faça sentido: “Eu entendo da seguinte forma: Ensino Básico é para Alfabetizar; Ensino Médio é para Aprender; Graduação/Especialização é para Entender; Mestrado é para Compreender, e assim sucessivamente. Portanto, a afirmação de que Saber é Poder está intimamente ligada ao processo de aprendizado na ordem citada. À medida que aumentamos nosso conhecimento, certamente melhoramos (podemos) as condições para melhor orientar os recursos com que lidamos. Deste modo, apropriar-se de conhecimentos leva, certamente, a um empoderamento”

MENU PRINCIPAL